Qual o objetivo da nova TV vertical da Samsung?

Como pioneira da indústria, a Samsung revelou que a mais recente adição à sua linha de TV tem um recurso que permite que ela gire para posição vertical. O dispositivo de 43 polegadas chama-se Sero e foi concebido tendo em mente a geração do milênio, após analisar as tendências na forma como consomem conteúdo de vídeo.

Embora uma televisão vertical possa parecer uma ideia estranha, a Samsung reconhece a crescente popularidade do conteúdo móvel, que, em sua maioria, se encontra em formato vertical. De fato, entre o TikTok, o Snapchat, os stories do Instagram e o YouTube, uma parte significativa dos vídeos móveis mais envolventes é filmada verticalmente. Portanto, ao criar uma tela que pode ser horizontal e vertical, torna-se provável que espectadores queiram projetar seu smartphone na TV para visualizar o conteúdo da mesma forma que fazem em seus aplicativos, porém em uma tela significativamente maior.

O design experimental recebeu críticas mistas, com alguns afirmando que, além de uma pequena variedade de conteúdo móvel que seria mais facilmente visualizado neste formato, a tela de retrato tem uma utilidade limitada. No entanto, a Samsung espera que essa TV também funcione como um hub de streaming de música, uma enorme moldura digital, um relógio ou como uma obra de arte, dando à tela vertical uma função multiuso. A TV vem com o assistente de voz Bixby da Samsung integrado para ajudar com qualquer dúvida que você possa ter, um alto-falante de 600 watts para streaming de música e tem a vantagem adicional de ocupar menos espaço na casa quando girada verticalmente.

O lançamento da Sero representa uma tendência maior no setor de televisão para criar dispositivos que podem mudar de forma e economizar espaço quando não estiverem em uso. A LG, por exemplo, lançou recentemente a primeira TV do mundo que pode ser desenrolada quando necessário.

A Samsung pretende colocar a Sero à venda por 1,89 milhões de won (cerca de US $ 1.600) em seu mercado doméstico da Coréia do Sul no final de Maio de 2019 e, neste momento, não está claro se a TV será lançada em outro lugar. Só o tempo dirá qual a demanda para assistir um vídeo vertical na TV. A TV vertical te interessa? Deixe-nos saber nos comentários abaixo.