O que é o Facebook Crisis Response e como funciona?

Você notou que após incidentes com risco de vida, como desastres naturais (terremotos ou furacões), ou ataques terroristas, as pessoas que estão na área afetada marcam-se como “seguras” no Facebook? Isso faz parte da ferramenta Crisis Response do Facebook, que atua como um hub central para as ferramentas relacionadas à segurança da empresa. A gigante da mídia social introduziu esses recursos para ampliar seu papel, cada vez maior, na assistência a desastres, como uma forma de os usuários permanecerem conectados e verificar os entes queridos afetados por ocorrências globais potencialmente devastadoras.

O que é o Facebook Crisis Response?

O Crisis Response é um hub onde todas as ferramentas de segurança do Facebook são centralizadas. Ele foi projetado para tornar mais fácil que as pessoas descubram mais sobre incidentes ou crises recentes e acessem várias ferramentas para apoiar a recuperação desses locais. As seguintes ferramentas estão disponíveis no Crisis Response Hub:

Mark Yourself Safe – ou também conhecido como Safety Check, é uma maneira fácil de deixar seus amigos e familiares saberem que você está seguro em caso de um incidente em sua área. Ele também permite que você verifique o status de amigos e familiares. A verificação de segurança pode ser ativada automaticamente por um influxo de postagens de usuários e uma confirmação de uma notícia de terceiros ou fonte governamental.

Give or Find Help – também conhecido como Ajuda da Comunidade, esse recurso conecta você diretamente com outras pessoas nas proximidades da área afetada para dar ou encontrar ajuda como fontes de alimentos, suprimentos e abrigo.

Arrecadar dinheiro – esta ferramenta permite que as pessoas criem arrecadação de fundos e doem para apoiar as pessoas afetadas pela crise. Muitos usuários também usam a ferramenta para apoiar organizações sem fins lucrativos, incentivando as pessoas a doar para uma organização escolhida que apoiam, em vez de comprar um presente de aniversário, por exemplo.

Obtenha informações – como parte do hub, o Facebook também introduziu mais conteúdo relacionado à crise, vindo de uma variedade de fontes relevantes, como links para artigos, fotos e vídeos que ajudarão os usuários a aprender mais sobre a crise e saber como reagir ou ajudar.

O Facebook atualizou recentemente a ferramenta para permitir que os usuários compartilhem informações sobre o que está acontecendo no local em caso de incidentes ou desastres. As pessoas agora podem até mesmo relatar o fechamento de estradas, inundações, quedas de eletricidade e incêndios, bem como outros perigos relevantes.

A ferramenta agora também funciona com o aplicativo de mensagens instantâneas do Facebook, o WhatsApp. Embora todo o conjunto de recursos não esteja chegando ao WhatsApp, os usuários podem oferecer ou solicitar ajuda por meio do aplicativo de mensagens em vez de apenas pelo Facebook Messenger.

O gigante da mídia social também fez parceria com centenas de organizações para fornecer mapas de desastres e organizações de ajuda humanitária com informações sobre onde distribuir suprimentos, com base em dados agregados e anônimos, por meio de suas ferramentas “Data for Good”.

Se este tópico for de interesse, visite nosso site para outros artigos relacionados, incluindo: