5 usos de IA que você precisa saber

A inteligência artificial é um ramo da ciência da computação que cria máquinas inteligentes que funcionam e reagem como seres humanos. Os cientistas de dados do mundo estão ocupados testando os limites da IA acreditando que ela tornará a sociedade mais produtiva, eficiente e, em última instância, mais inteligente.

No entanto, devido à natureza maleável da IA, sua utilização, por muitas vezes, acabou assustando um pouco. No início deste ano, descobriu-se que a IA estava sendo usada para distorcer a realidade no que se chamava de vídeos Deep Fake. Mas, ao mesmo tempo, a IA também tem sido usada para fazer avanços no tratamento de Alzheimer.

Queremos então compartilhar com você cinco casos de uso de IA surpreendentes, que mostram seu amplo potencial:

  • Prevendo o futuro da moda

A indústria da moda é ultracompetitiva e, por isso, as marcas tentam tudo o que podem para obter vantagem. Uma maneira é tentar adivinhar qual será a próxima grande tendência, para que produzam apenas o que é viável para venda. Mas até agora, isso se baseava em tendências passadas, pesquisa de mercado e expertise de sêniors.

Agora, parece que a IA pode ter uma solução. A tecnologia pode ser usada para detectar a cor, o padrão, o tamanho e a combinação de roupas em imagens das redes sociais e sites, ajudando a prever as próximas tendências globais. Isso ajuda a reduzir o desperdício e a aumentar as vendas do setor.

  • Seu novo apresentador de TV

A China sempre esteve na vanguarda dos desenvolvimentos de IA, sendo pioneira no seu uso no desenvolvimento de veículos autônomos, chatbots e em cidades inteligentes. Mas agora, tornou-se o primeiro estado a revelar um apresentador de notícias virtual. A agência de notícias estatal chinesa Xinhua News afirma que o apresentador é quase indistinguível de um ser humano e poderia ser usado para divulgar as notícias de última hora de maneira oportuna.

  • Reconhecendo como você anda

A empresa de segurança chinesa Watrix desenvolveu uma tecnologia que pode verificar a identidade de um indivíduo a até 50 metros de distância, simplesmente analisando como ele anda e se movimenta. As autoridades de Pequim e Xangai já estão usando o software que poderá substituir o reconhecimento facial como uma forma confiável de verificação de identidade. A tecnologia monitora de perto e registra como os indivíduos se posicionam, andam e se inclinam, é o desenvolvimento mais recente no âmbito da biometria comportamental.

  • Criando seu próximo perfume

A casa de fragrâncias alemã Symrise e a gigante tecnológica IBM se uniram para criar um novo método de desenvolvimento de perfumes. Ao pesquisar e detalhar as fórmulas dos principais perfumes e compará-las com os históricos de vendas, eles conseguiram entender que tipo de pessoas estava comprando cada perfume. A partir daí eles podem usar os dados para criar novas misturas que segmentam dados demográficos específicos.

A Symrise planeja vender dois perfumes inspirados em IA até o final de 2019.

  • Encontrando Waldo

Uma agência de marketing do Reino Unido construiu um robô com a capacidade de encontrar Waldo em um mapa. Pesquisadores treinaram o AutoML Vision do Google para identificar o personagem ilustrado, alimentando-o com imagens do mesmo. Um braço robótico equipado com uma câmera tira uma foto das páginas do livro de quebra-cabeças e as compara ao modelo. Quando reconhece, bate a mão de plástico no Waldo.

Pode arruinar o jogo para outros jogadores, mas é um passo necessário na jornada da IA para ajudar a tecnologia a melhorar.

Há algum outro projeto de IA que você tenha visto e que tenha te impressionado? Fale com a gente nos comentários abaixo. E se você tem uma pergunta, deixe-nos saber na seção de comentários